Felicidade tem cheiro de Natal 2: receita especial de Peru para sua ceia

Peru de Natal como fazer

Peru de Natal como fazerHá muito tempo não curtia tanto os preparativos do Natal. A casa está tomada pelo cheiro de um bolo que amamos e será meu presente para as famílias que passam conosco. A receita? Está aqui.

Muita gente tem dúvida de como fazer um peru assado. O grande medo é que ele fique seco. Por isso, hoje, a receita é o tradicional Peru de Natal.

Confira o passo-a-passo para prepará-lo e deixá-lo bem macio e saboroso.

 

 

Peru de Natal com Escamas de Damasco e com Farofa mais que especial
Print
Ingredients
  1. - 1 Peru (ele já vem temperado, mas você pode (e deve) incrementar este tempero com uma vinha d’alhos)
  2. - 6 fatias finas de bacon
  3. - 50g de manteiga
  4. - folhas de salsão
Para a vinha d’alhos
  1. - 1 garrafa de vinho branco seco
  2. - 2 dentes de alho picado miúdo
  3. - 1 colher de sopa de sal
  4. - folhas de salsão e alho poró
  5. - pimenta do reino à gosto
Para a farofa
  1. - 150g de bacon picado miudinho
  2. - 100g de manteiga
  3. - miúdos do peru
  4. - 6 ovos
  5. - 1 cebola grande picado miudinho
  6. - 3 dentes de alho picados miúdos
  7. - 3 tomates picados miudinhos
  8. - 1/2 molho de cheiro verde (salsinha e cebolinha) picado miudinho
  9. - 150g de castanha do pará picadas miudinhas
  10. - 300g farinha de milho branco em flocos (você poderá usar outra farinha como a de mandioca, de pão etc)
  11. - azeitona à gosto
  12. Utensílios: tabuleiro, papel alumínio, palito e barbante
Decoração
  1. - 150g de damascos abertos (partir ao meio preservando o formato circular)
  2. - 1 colher de sopa de mel
  3. - frutas diversas como: kiwi, figos, pêssego, uva, maçã, ameixa, carambola, morangos
Instructions
  1. 1- Descongelar o peru, retirar os miúdos que ficam em um saquinho na sua parte interna.
  2. 2- Fazer a vinha d’alhos misturando todos os ingredientes e colocar o peru e seus miúdos para ajustar o tempero por cerca de 12h.
  3. 3- NO DIA: Preparar a farofa. Colocar os pedacinhos de bacon para fritar, sem óleo. Ele soltará o próprio óleo. Deixar ficar bem dourado. Retirar apenas o bacon (deixar a gordura). Fritar os miúdos. Acrescentar a cebola, alho, tomate e deixar refogar levemente. Reservar.
  4. 4- Derreter a manteiga, fritar os ovos, mexendo-os sempre. Reservar.
  5. 5- Retornar com todos os itens já fritos, acrescentar demais ingredientes (exceto o cheiro verde). Deixar torrar um pouco. Ajustar tempero. Desligar e acrescentar o cheiro verde.
  6. 6- Rechear a parte interna do peru com esta farofa (lembrar de encher também pelo espaço do pescoço). O que sobrar da farofa, siva em uma vasilha à parte.
  7. 7- Envolver as pontas com papel alumínio (asas, rabinho) para não queimar. Prender a ponta das coxas para não abrir ao assar.
  8. 8- Em um tabuleiro, abrir um grande pedaço de papel alumínio, suficiente para cobrir todo o peru. Forrá-lo com salsão.
  9. 9- Sobre o salsão, colocar o peru, regá-lo com um pouco da vinha d’alhos (2 conchas). Prender as fatias de bacon sobre o peito com palitos, fechar com o papel alumínio para conservar o vapor.
  10. 10- Assá-lo em forno pré-aquecido à 180 graus por cerca de 2:30 horas, regando-o sempre com a vinha d’alhos a cada 30 minutos.
  11. 11- Após este período, retirar a cobertura do papel alumínio, retirar as fatias de bacon, besuntar de manteiga (pincelá-la sobre toso o peito e coxas) e deixar dourar (cerca de 30/40 minutos).
  12. 12- Após assado, transfira para a vasilha que será servido. Decore com as frutas ao seu redor.
  13. 13- Pincele o peito com a colher de mel e coloque as escamas de damasco. Esta colocação deve ser feita de forma ordenada, na mesma direção (começar pelo lado do pescoço).
Notes
  1. Para acompanhá-lo, arroz com amêndoas, marron glacê ou até um molho rosé picante ou mesmo um molho de mostarda e mel… na verdade, o mais importante neste dia é servir coisas que fazem bem para o corpo e para a alma!
Memórias Gastronômicas http://memoriasgastronomicas.com.br/
Boas Festas!!!

Começando a semana com sopa de batata baroa: ou seria melhor dizer…

Sopa Cremosa de Batata Baroa

Sopa Cremosa de Batata BaroaBatata Salsa, Baroa, Mandioquinha, Cenoura Amarela… qual outro nome este delicioso e multifacetado tubérculo tem aqui no Brasil?

Difícil achar quem não goste dele com qualquer destes nomes e em suas mais variadas preparações. Aqui em casa todo mundo é fã do seu sabor levemente adocicado e textura suave.

Por isso, para curtir este frio, no melhor estilo comida que nos faz bem, nada melhor que fazer uma sopa cremosa de… – minha parceira paulista que me perdoe mas vou chamar de batata baroa, pode ser?

Receita de Sopa Cremosa de Barata Baroa

– 1 kg de batata baroa

– 1l de água

– 500ml de caldo de frango (eu faço o caldo em casa com os ossos do peito de frango)

– algumas folhas de salsão (10 unidades, pode ter um talinho tb)

– 3 dentes de alho

– sal e pimenta do reino a gosto

– fio de azeite

– Para finalização: um pouco de creme de leite fresco ou requeijão e cebolinha picadinha

Modo de Preparo:

Descascar e cozinhar as batatas em panela com água. Na panela onde será feita a sopa, refoque o alho picado com um fio de azeite. Assim que estiverem levemente dourados, acrescente as batatas (não jogue a água fora, reserve) para refogar um pouco. Acrescente o caldo e quando levantar fervura, desligar. Transferir o conteúdo da panela para o liquidificador e bater até ficar um creme homogêneo.

Aquecer novamente a panela, colocar um fio de azeite e retornar com o creme e rofogá-lo. Se o creme estiver muito grosso, acrescente um pouco da água que cozinhou a batata baroa. Coloque as folhas de salsão e deixe cozinhar um pouco. Ajuste o tempero com sal e pimenta do reino. Retire as folhas de salsão.

Na hora de serví-la bem quente, coloque-a nos pratos e finalize com uma colher de creme de leite fresco (ou requeijão – ambos funcionam bem) e um pouco de cebolinha finamente picadas.

Aqueça-se! Bon apetit!