Cupcake salgado: um lanche criativo e rápido!

Ás vezes a gente quer variar um pouco nas opções de lanches, mas não consegue fugir do trivial. Esta receita de cupcake salgado é uma ótima opção para quem precisa de lanches práticos, saborosos, mas quer variedade!

E você pode congelar!

Não se prenda aos sabores que sugerimos. Abuse de temperos e sobras que ficam abandonadas na geladeira. Assim, você além de dar uma turbinada no seu cardápio, economiza. Não é o casamento perfeito?

Bon appétit!

Banana e aveia, versão bolo. Pra ajudar a acordar no horário verão!

   Cada dia que passa, encontro mais frutas, legumes e verduras orgânicos e o que melhor, com preços menores! É isso aí gente, comprando mais, produzirão mais e os preços diminuirão ainda mais! Esse bolo foi feito com 6 bananas orgânicas compradas em um supermercado bem careiro de São Paulo, a menos de R$5,00! 

  Vocês já pararam pra pensar o que o nosso consumo de orgânicos gera? Pequenos produtores trabalhando a terra e cuidando do planeta, saúde para os lavradores sem o uso dos agrotóxicos, nossa saúde e da nossa família. Os grandes produtores vendendo menos, podem parar pra pensar e começar a tomar atitudes visando o bem estar das pessoas e do planeta, e não só no lucro!

  Mudar não é fácil, requer persistência! Primeiro mudamos a maneira de pensar e depois os nossos atos. E como é difícil sair da zona de conforto! 

  Então, força na peruca e bora consumir mais orgânicos, fazer mais exercícios e ser mais leve, levando a vida com mais humor 🙂 !

  E pra ajudar a dar mais energia nos primeiros dias de horário de verão, um outro jeito de comer banana com aveia, um bolo facilíssimo, como sempre. E fica com uma casquinha por causa da farinha de mandioca, deliciosa! Um cheirinho de bolo de banana feito em casa, acorda até sonambulo rsrs!

 Bom apetite!

Bolo de banana e aveia
Print
Ingredients
  1. 6 bananas orgânicas maduras cortadas em cubos
  2. 1/2 xícara de óleo de girassol
  3. 3/4 de xícara de açúcar orgânico
  4. 2 ovos caipiras
  5. 1 xícara de aveia em flocos
  6. 1 xícara de farinha de mandioca
  7. 1 colher de chá de canela
  8. 1 colher de chá de bicarbonato de sódio
Instructions
  1. Bater no liquidificador os ovos, óleo e açúcar, reserve. Misturar a banana e a canela, reserve. Misture a aveia, farinha de mandioca e bicarbonato, reserve. Misture as 3 partes delicadamente. Asse em forno preaquecido a 180º.
Notes
  1. Pode usar a aveia em flocos ou flocos finos, vai de gosto rsrs. Pode substituir o açúcar por 1/2 de açúcar fit ( açúcar demerara + stevia) assim fica menos calórico. Se a banana form beemm doce, diminua o açúcar, ficará mais saudável ainda!
Memórias Gastronômicas http://memoriasgastronomicas.com.br/

Uma abóbora, muitas emoções!

Daí você compra uma abóbora kabocha ( fala-se cabotiá, mas como vem de uma palavra japonesa, escreve-se kabocha, viu, memórias, também é cultura rs!) e com seus 1,3 kg tem muito material para uma cozinheira pra dois! Coloquei a laranja na foto pra dar ideia de proporção!

Tudo isso porque me deu uma vontade de comer abóbora refogada com alecrim. Vc já comeu? Com abóbora kabocha? Hummm. Ai vai a receita: cortei a abóbora na metade, depois de higienizá-la. Descasquei ( reservei a casca)  e cortei em cubos grandes,  bem parecidos de tamanho para cozinharem por igual.  Piquei 3 dentes de alho em um pouquinho de azeite, deixei apenas por 2 minutos em fogo baixíssimo. Acrescentei a abóbora, um pouco de sal, pimenta e as folhas de um galhinho de alecrim fresco. Refoguei mexendo sempre, acrescentando uma xícara de café de água ( se tiver algum caldo, fica ainda melhor) até secar e repetindo mais duas vezes até que a abóbora estivesse macia. Ficou sensacional!

E ai sobrou meia abóbora! Já pro forno com casca, sementes e tudo, e também as cascas da primeira metade! Com a “boca” pra baixo, assim o calor se intensifica e assa mais rápido sem ressecar. Espetando o garfo, você percebe que está pronta quando macia. Muito bem. Cozida, as sementes saem com facilidade e com uma colher separe a polpa da casca.  Com a polpa você pode fazer o bolo com coco da foto aqui embaixo. Esse tem chocolate, mas não tem a menor necessidade, foi simplesmente para agradar o marido chocólatra.  

Mas, sobrou mais purê e as cascas. Bem, com o resto da polpa, você pode fazer um  creme de abóbora ( uma xícara de polpa para 500ml de caldo de frango ou legumes,misture bem,  sal, um colher de café de gengibre), mas pode acrescentar  parte da casca ( bata no liquidificador com a polpa e o caldo) que dará um monte de fibras pra sopinha! A outra parte da casca, coma como aperitivo, uma pitada de sal e um fiozinho de azeite, acompanhando uma cerveja, não tem  pra ninguém!

Bolo de Abóbora e Coco
Print
Ingredients
  1. 1 e 1/2 xícaras de flocos de aveia
  2. 1/2 xícara de flocos de amaranto
  3. 3/4 de xícara de purê de abóbora
  4. 1/2 xícara de açúcar fit ( açúcar demerara +stévia)
  5. 3 ovos caipiras
  6. 1/2 xícara de óleo de girassol
  7. 1 colher de sopa de essência de baunilha( sabe fazer em casa? Ensino nas notas abaixo)
  8. 1/4 de xícara de semente de girassol
  9. 1/2 xícara de coco ralado fresco
  10. 1 colher de sobremesa de bicarbonato de sódio
Instructions
  1. Bater no liquidificador os ovos, açúcar fit, óleo, purê, essencia de baunilha. a parte misture bem os flocos,o coco, as sementes e o bicarbonato. Misture bem o liquido e o seco. Leve ao forno preaquecido a 180º por no mínimo 35 minutos, mas depende do seu forno. Esse bolo da foto, para agradar o meu marido, fiz com raspas de chocolate amargo.
Notes
  1. Se você usa essência de baunilha e gostaria de fazê-la em casa ai vai a receita: 1 garrafa de Bacardi Oro e 6 favas de baunilha orgânicas. Coloque as favas dentro da garrafa e feche bem. Use após 24 horas. Dura quase uma eternidade rs! Assim, você terá em casa uma essência de baunilha DE BAUNILHA!
  2. Às vezes, eu processo os flocos pra variar sobre o mesmo tema rs! Se quiser fazer este bolo sem glúten, substitua a aveia por farinha de arroz integral e/ou flocos de quinua.
Memórias Gastronômicas http://memoriasgastronomicas.com.br/
Enfim,  uma abóbora resultando em  uma, duas, três, quatro delícias!

Espero que goste!

Beijo e até a próxima!

bolo de abóbora

Pão de cebola e uma centrífuga!

 

Estou em relacionamento sério com a minha centrífuga rsrs! Esse era aquele eletrodoméstico comprado e depois abandonado, afinal eram  muitas peças e  se você usa, e demora pra lavar é um suplício, além do mais, tira todas as fibras do suco. Pois é,  ele andava abandonado e eu atrás de novidades. Então nesta onda de sucos detox, retomei o seu uso diário. E, então num surto criativo rsrs cheguei a esta receita, deliciosa, nutritiva e simples. 

O mais legal que esta receita é base, você pode trocar a cebola por beterraba, cenoura até couve! E as cores e os nutrientes vão mudando e os sabores mais ainda! E mais importante você usa tudo, pode e deve colocar as folhas também! Pode até  acrescentar aveia, linhaça e até nozes  (antes de colocar a farinha branca) huuum!

Pão é terapia, se estiver com raiva, bota na hora de sovar rs! Quando a gente faz um, fica viciada no sabor, sem contar o inúmeros benefícios nutricionais! Se puder, use o máximo de ingredientes orgânicos.

É isso, tire a sua centrífuga do armário e divirta-se! Beijos e até a próxima!

Pão de Cebola
Print
Ingredients
  1. 1 cebola grande
  2. 1 xícara de água
  3. 1 tablete de fermento biológico fresco
  4. 1 colher de sobremesa de açúcar demerara orgânico ( se não tiver pode ser agave ou stévia ou açúcar mascavo).
  5. 4 colheres de sopa de azeite extra virgem
  6. 1 e 1/2 xícara de farinha de trigo integral
  7. 1 xícara de farinha branca ( poderá ser mais)
  8. 1 colher de chá de sal
Instructions
  1. Descascar a cebola e colocá-la na centrífuga. Reservar o suco e toda cebola moída e desidratada. Pegar o suco da cebola e completar com a água até 1 e 1/2 xícara de líquido ( pode ser mais ou menos de 1 xícara de água, depende da quantidade do suco da cebola). Levar ao fogo para aquecer até ficar morna. Esmigalhe o fermento, acrescente o açúcar e o líquido, misture bem e deixe reagir por mais ou menos 5 minutos. Quando o fermento reagir ( borbulha e cresce) acrescente o azeite. Misture bem. Acrescente a farinha integral e a cebola esmagadinha misture bem ( pode levar a cebola ao fogo antes, para dar uma tostadinha fica muito bom, também). Acrescente o sal e comece a acrescentar a farinha branca ( pode ser mais ou menos depende da marca, do tempo, enfim esta quantidade é variável) e vá trabalhando a massa até soltar bem das mãos. Sove e coloque em uma assadeira de pão de 35 cm ( se não tiver, divida em duas) e deixe descansar por 20 minutos ou até dobrar de tamanho. Agora no inverno, um truque para ajudar a massa a crescer, ascenda o forno e deixe esquentar um pouco, desligue e coloque a massa para crescer, vc vai se surpreender. Asse em forno 180º por 40 minutos.
Notes
  1. Congele o pão em pedaços e vá descongelando na medida do consumo, assim você poderá comê-lo sempre fresquinho. Ah, você pode substituir a cebola por cenoura, beterraba, salsinha, cebolinha, nossa o céu é o limite rsrs!
Memórias Gastronômicas http://memoriasgastronomicas.com.br/

Bolo de cacau e coco com calda de maracujá, já!

Um bolo de cacau e coco com calda de maracujá  ajuda a esquentar com certeza!

Ganhei alguns maracujás nascidos displicentemente na casa da minha sogra, sem que ninguém tivesse plantado ( coisas que só acontecem no interior)!Eu adoro chocolate com maracujá, pra mim é um casamento perfeito!E se, fizesse do casal, um trio: cacau, maracujá e o coco? Então, me lembrei do meu bolo de cacau e coco mega nutritivo.  Coloquei a calda no bolo e huuummm!

Se escrevesse aqui todas as benesses dos ingredientes desse bolo, seria o post mais chato deste blog rsrs! Imagine numa só receita: cacau, coco, aveia, quinua, amaranto, nozes,  sem contar os ovos, óleo de girassol!

Preciso explicar a foto de uma fatia só, pois bem, Marcos me pediu pra que não colocasse a calda no bolo todo poque como bom chocólatra, prefere purinho! Ah, não custa mimar o maridão, não é? Assim, ganho alguns pontinhos rsrs! Sem mais churumelas, vamos ao que interessa. Beijos e até a próxima.

Bolo de cacau com coco e calda de maracujá mega nutritivo
Print
Ingredients
  1. 2 ovos
  2. 1/2 xícara de óleo de girassol
  3. 1/2 xícara de coco fresco ralado
  4. 1/4 xícara de cacau em pó
  5. 1 xícara de água
  6. 1/4 de xícara de nozes
  7. 1/2 xícara de açúcar demerara e stévia ou 3/4 de xícara de açúcar orgânico
  8. 1 de xícara de aveia em flocos
  9. 1/2 xícara de quinua em flocos
  10. 1/2 xícara de amaranto em flocos
  11. 1 colher de chá de bicarbonato de sódio
  12. Para calda
  13. Polpa de um maracujá
  14. A mesma quantidade de água
  15. Açúcar demerara e stévia ou açúcar orgânico a gosto
Instructions
  1. Coloque os ingredientes no liquidificador na mesma sequência acima até a aveia em flocos e processe por três minutos . A parte, misture a quinua, o amaranto e o bicarbonato. Manualmente, mistures todos os ingredientes. Despeje a massa em forma de bolo inglês untada e asse em forno pré-aquecido por 35 minutos ( sempre depende do forno!).
  2. Para a calda: Coloque os ingredientes em liquidificador e use a função pulsar para que misture bem, porém sem danificar as sementes. Leve ao fogo e assim que levantar fervura, desligue.
Notes
  1. Você pode substituir a aveia, a quinua e o amaranto por farinha de milho ou farinha de aveia, enfim por qualquer farinha que tiver no armário. O ideal é que não use farinha de trigo já que ela já é utilizada em muitas receitas, assim diversificamos o cardápio e o tornamos bem mais saudável!
  2. Esta calda é bem liquida, por isso cuidado e não deixe passar o tempo de cozimento!
Memórias Gastronômicas http://memoriasgastronomicas.com.br/

Um prato Edwardiano para nosso clima tropical!

downton_officialEu sou fanática por seriados de televisão. Especialmente os que alimentam os seus personagens em cena! E se essa refeição for mais do que ovos mexidos no café da manhã… Virei fã de carteirinha. Já postei aqui uma receita de torta de maçã nada tradicional e que faz o maior sucesso! E claro foi receita adquirida em uma seriado de tv!

Hoje estava ouvindo um podcast sobre o seriado Downton Abbey. Um parêntesis: Se você não sabe do que estou falando, PARE DE LER ESTE POST AGORA e faça uma pesquisa no Google!!! Ou eu posso te contar um pouquinho… É um seriado inglês, dramático, maravilhoso, passado no início do século passado e que retrata a trajetória da família Crawley, seus criados e a vida fútil e inútil em um castelo na Inglaterra. O cenário, a fotografia, condes e condessas… E muita comida, porque o que esses aristocratas mais faziam naquela época era comer!

Mas voltando ao assunto, o podcast falava sobre toda a preparação da comida que é servida em cena. E nada é de mentira, pois para a food stylist do seriado comida de plástico não parece comida de verdade! Para uma cena, são 15, as vezes 20 pratos substituídos para que tudo pareça real – em ambos os sentidos!Downton-dinner1

E comecei a pesquisar sobre as comidas servidas e os baquetes de Natal, casamentos, batizados, tudo o que já saiu da cozinha da Sra. Patmore – a cozinheira oficial do castelo! Ostras com champagne e aspic, faisão ao molho de vinho de porto, veado ao poivre, île flotant… E tudo isso numa época onde o telefone ainda nem existia, quem dirá fogão a gás!!!!!

Dentre as minhas pesquisas me deparei com uma receita deliciosa e muito fácil, digna de um jantar ao grande estilo Edwardiano e que cai como uma luva neste calor tropical que estamos enfrentando!

Mousse de Salmão do Lord Grantham mousse salmao4

1 colher de chá de gelatina sem sabor

150 gramas de salmão defumado, picado

1 xícara de creme azedo (pode-se usar creme de leite fresco)

2 colheres de sopa de suco de limão siciliano

Pimenta do reino moída na hora

1 raminho de dill, picado – reserve um galhinho para decorar

Torradas ou fatias de baguete, para servir

 

1. Coloque 3 colheres de sopa de água fria em uma panela pequena, polvilhe com a gelatina e deixe amolecer por 5 minutos. Delicadamente, em fogo baixo, mexa só até dissolver gelatina e reserve.

mousse salmao32. No processador de alimentos, misture o salmão, o creme azedo ou creme de leite e o suco de limão. Processe até formar um purê homogêneo; tempere com a pimenta. Com o processador em funcionamento, adicione a mistura de gelatina ligeiramente resfriada e o dill e misture até incorporar.

3. Despeje em um ramequim ou em tacinhas individuais. Sem tocar a superfície da mousse cubra com filme plástico e leve à geladeira até ficar firme, cerca de 2 horas. Decore com dill e sirva com torradas ou fatias de baguete.

Esta mousse também pode ser servida sobre fatias de pepino. Fica um canapé finérrimo! mousse salmao2

Que tal convidar a garotada para fazer um piquenique?

nuggets saudáveis

nuggets saudáveisSei que o clima anda maluco. Aqui em Curitiba cada momento é uma surpresa. Por isso, já comecei a escrever este post várias vezes e desisti.

Agora, faça chuva ou faça sol, postarei!

Eu adoro piquenique. Já falamos sobre isso em alguns posts, como este ou este aqui… É o tipo de programa que funciona bem para várias situações: desde um programa solitário, com um bom livro, frutas, queijos e um belo vinho. Programa casal, bem romântico (tire o livro, coloque mais vinho e um chocolate para fechar com chave de ouro…), com os amigos ou, o meu favorito: com a criançada participando de cada etapa.

É o tipo do programa que vale muito a pena. Afinal, juntamos natureza, boa comida e boa companhia. Não precisa de mais nada!

Para organizar seu piquenique, convide seu filho para participar desde a escolha do cardápio até a recolhida do lixo ao final do evento. Você verá que tudo terá um gosto especial! Abaixo algumas dicas especiais:

1- Escolha cuidadosamente o parque ou espaço onde fará o seu piquenique. Pense em um lugar agradável, com área livre, com alguma sombra para fugir do sol e com banheiro disponível.

2- Separe toalha, sacola (cesta ou carrinho), saco de lixo, repelente, guardanapos, lenço umedecido (é sempre útil!). Para as crianças, lembre-se dos brinquedos!

3- Prepare comidas leves, doces e salgadas, que possam ficar um bom tempo fora da geladeira e coloque-as em embalagens que facilitem seu transporte e consumo. As reaproveitáveis são ótimas opções. Eu sempre levo pelo menos uma opção de fruta bem apetitosa. Sanduíches e saladas são super práticos e você pode levar dos mais básicos aos mais incrementados. Bolo também é uma ótima pedida!

4- Lembre-se da bebida: água, sucos e até um vinhozinho caem super bem!

Assim, será diversão na certa! Abaixo uma receita perfeita para seu piquenique ser um sucesso:

Receita Nuggets saudável de Frango (serve 3 a 4 pessoas)

– 1 peito de frango

– 170ml de iogurte

– 3 ovos

– Flocos de milho* o quanto baste (cerca de 300g)

– 50g de Xerém de castanha de caju (pode ser outra castanha de sua preferência)

– Sal e pimenta do reino a gosto

– 1/2 limão

– 1 colher de chá de tomilho (fresco ou seco)

 

Modo de Preparo:

1- Cortar o frango no formato de preferência (eu gosto de abrir o filé e depois cortar em tiras maiores)

2- Colocá-lo para marinar no iogurte, temperado com limão, sal e pimenta do reino. Deixar marinar por 30 minutos.

3- Em uma vasilha, quebrar os ovos e misturá-los ligeiramente. Temperar com um pouquinho de sal, pimenta e tomilho. Reservar.

4- Em outra vasilha, misturar os flocos de milho, o xerém. Temperar com um pouco de sal.

5- Pegar cada pedaço de frango e empanar, passando pelo ovo, depois pela farinha. Ratepetir o processo mais uma vez.

6- Colocar o frango empanado em uma forma untada ou forrada com papel manteiga e levar para assar em forno pré-aquecido a 200 graus por cerca de 15 minutos (virar na metade do tempo) ou até dourar.

*Nota: Os flocos de milho podem ser substituídos por aveias, cereal de milho sem açúcar, fubá, farinha de mandioca ou a tradicional, farinha de rosca. Experimente a que mais agrada o seu paladar. É bom que você tem uma ótima desculpa para fazer esta receita várias vezes!

Nota2: leve um molho da sua preferência para acompanhar! Vale chutney também!

Boa diversão!

Pão sem glúten, sem lactose e com muuuuito sabor!

pão sem gluten 2Pelo menos uma vez por mês, escuto um amigo ou conhecido dizer que está com alergia a lactose, glúten, soja ou… Pois é, alimentação saudável é diversificação. Como já levantei essa bandeira aqui, vamos diminuir o que comemos demais e experimentar novos sabores!!! Então, inspirada em uma amiga muito querida que agora deve  evitar alguns dos itens acima, adaptei uma receita que tinha há muito tempo que é simples demais de fazer. Antes de mais nada é bom explicar que este tipo de pão lembra muito mais um bolo salgado do que o pão francês, porque como já mencionei, o glúten do trigo dá a liga pra massa e sem ele a consistência é bem diferente. Esse até que fica bacana ( a foto ficou boa, né?), vamos a receita:

Ingredientes:

3/4 de xícara de fécula de batata

3/4 de xícara de flocos de quinua

120g de tofu firme  ( de preferência orgânico)

2 ovos caipiras

5 colheres de sopa de azeite de oliva

2 colheres de sopa de semente de girassol

2 colheres de sopa de gergelim ( eu usei o preto pra ficar online casino bonito na foto rsrsrs)

1 colher de chá de sal

1 colher de sopa bem cheia de fermento em pó.

Modo de Fazer:

Bata no liquidificador o tofu, azeite, ovos e sal até virar uma maionese ( ops, outra receita, basta acrescentar uma erva e você tem um patê super gostoso). A parte, misture a farinha, flocos,  gergelim, semente de girassol e fermento. Junte as duas misturas, vira uma espécie de pasta coloque em uma assadeira de bolo inglês ou como fiz,  em forminhas para cupcake ( super em moda hoje em dia). Asse em forno pré-aquecido de 180° por aproximadamente 30 minutos ( depende do seu forno) e deleite-se, não sem lactose rsrsrs!

Até a próxima!

 

 

Mais um casamento saudável, torta com salada!

Faz muito tempo que provei este casamento perfeito,  foi no restaurante Gula Gula no Rio Janeiro e se tornou parte do cardápio de casa.  Este prato tem carboidratos, proteína ( recheio da torta é frango) e vitaminas, uma refeição completa. A torta é de liquidificador, simples a beça de fazer, mas o pulo do gato são os ingredientes! A salada é de folhas com lascas de manga – deliciosas nesta época do ano!

Comida saudável é variar o máximo de macronutrientes (proteínas, carboidratos e gorduras) e micronutrientes ( vitaminas e minerais), então como a gente conhece uma infinidade de receitas com farinha de trigo, que tal usar outras farinhas/flocos na hora prepará-las? As possibilidades são quase infinitas: amido de milho, fécula de batata, fécula de mandioca, farinha de milho, fubá, flocos de aveia, de quinoa de amaranto e vai longe! O que acontece é que o trigo contém glúten e ele ajuda a deixar a massa uniforme, não esfarelar! Pra começar, você pode trocar parte da farinha de trigo por outras farinhas, o resultado é surpreendente. Pra começar a mudança, esta receita tem além do trigo integral, outras farinhas, mas se quiser, pode incluir outras que tiver no armário da cozinha, arrisque-se!

Receita da Torta de Frango,  Acelga e Alho-poró.

Para Massa

1 xícara de farinha de trigo integral

1/2 xícara de fécula de batata

1/2 xícara de fubá

1/2 xícara de óleo de milho

1,5 xícaras de caldo frango ( feito no cozimento do peito do frango do recheio)

3 ovos caipiras ( se usar ovos de granjas grandes, pode usar apenas 2)

1 colher de sobremesa de fermento em pó

1 colher de chá de sal

1 colher de chá pimenta da Jamaica (pode trocar por outra de sua preferência)

Para o recheio

10 ou 15 folhas de acelga picadas

1 alho-poró fatiado ( a parte branquinha, as folhas verde use no caldo do frango)

1 peito de frango ( de preferência caipira ou criado no milho)

2 e 1/2 xícaras de água

sal a gosto

1 colher de chá de curry

 

Modo de fazer

Cozinhe o peito de frango com a água, sal e a parte verde escuro do alho-poró .  Frango cozido, desfie e reserve o caldo para a massa. Em uma panela, refogue o alho-poró com um fiozinho de azeite de oliva. Acrescente a acelga, o frango desfiado, tempere com sal e curry. Cozinhe apenas para “murchar” a acelga, misture bemSAM_0355 e reserve.

Bata no liquidificador todos os ingredientes da massa. Em uma assadeira untada, despeje metade da massa coloque o recheio e cubra com o restante da massa. Leve ao forno pré-aquecido 180º por 40 minutos (depende do seu forno).

Sirva com folhas  de alface americana e rúcula, lascas de manga. Tempere com azeite de oliva, aceto balsâmico e sal. Hummm, já me deu fome a essa hora !

 

Bolo de laranja com mel para adoçar o fim de semana!

Bolo de Laranja e mel 2

Bolo de Laranja e MelEstou aqui na expectativa da chegada da minha filhota. Hoje começaram algumas contrações. Vamos ver se é agora ou se é alarme falso… Darei notícias em breve.

Para adoçar este fim de semana que promete, divido com vocês uma receita que adorei. Ainda mais porque sou apaixonada pela forma que usei para fazer o bolo. Nesta forma, não dá para ser diferente, o bolo tem que ser de mel ou ter mel…

Testei algumas receitas, mas esta foi a que ficou mais legal na forma. O bolo é simples, mas o sabor o sabor é especial.

Receita de Bolo de Laranja, Farinha de Amêndoas e Mel:

– 2 laranjas bahia, sendo 1 com casca (sem semente) e outra sem casca (e obviamente sem semente)

– 3/4 de xícara de óleo de canola

– 3 ovos

– 1 xícara de açúcar

– 1/2 xícara de mel

– 1 pitada de sal

– 1 e 1/2 xícaras de farinha de trigo

– 1 e 1/2 xícaras de farinha de amêndoas

– 1 colher de sopa de fermento em pó

Para a calda:

– 1 xícara de mel

– 3 colher (sopa) de suco de laranja

– 1 colher (sopa) de suco de limão

– 1 pau casino online de canela

– 2 cravos

 

Bolo de Laranja e mel 2Modo de Preparo:

1- Pré-aquecer o forno  a 180 graus.

2- No liquidificador, bater todos os ingredientes, exceto farinhas e fermento, até formar um creme homogêneo.

3- Peneirar farinhas e fermento em um bowl e reservar.

4- Despejar a parte líquida sobre as farinhas e agregá-las cuidadosamente. Despejar em forma untada e enfarinhada e levar para assar por cerca de 30 minutos ou até ficar dourado e o palito sair limpo no teste do palito.

5- Deixar esfriar para desenformar.

6- Enquanto isso, fazer a calda: levar todos os ingredientes ao fogo médio até reduzir pela metade. Regar o bolo já desenformado com esta calda.

 

Bom apetite!