Dias frios aquecidos com a ambrosia da vó Nhá.

Ambrosia

AmbrosiaComo passaram o Dia das Mães? Espero que com tanto carinho como eu. É tão bom ser paparicada né?

Aqui, em Curitiba, começou o friozinho…

[Nota mental – Definitivamente preciso me organizar melhor, o tempo está voando e eu não consigo fazer tudo que me proponho]. Mil idéias na cabeça e pouco tempo para executá-las! Acho que o negócio vai ser largar os doces de lado e abrir uma fábrica de idéias… Surtos à parte, como fiquei muito envolvida com as produções da Dorothy nos últimos tempos, acabo ficando muito tempo sem beber a água das Minas Gerais e isso me faz muita falta.

Então, resolvi matar a saudade vasculhando os cadernos de receitas… sei que não é a mesma coisa de comer aquele prato feito especialmente pela sua mãe especialmente para você, mas não foi nada mal!

Escolhi uma receita da minha avó, que minha mãe e tias contam ter sido uma cozinheira e principalmente doceira de mão cheia. [Mais nota mental: Será que foi dela que herdei este interesse pelos doces???]. Infelizmente, não tive o prazer de conhecê-la, por isso, fico só com os casos e com algumas das suas deliciosas receitas muito bem executadas por minha mãe ( o dia das mães já passou, mas o paparico continua aqui…).

Mas voltando à receita, a eleita, foi uma bem mineira e, por incrível que pareça, fácil de fazer. Eu tinha uma fantasia que fazer ambrosia era difícil. Na verdade, tem seus truques, mas realmente não é difícil. Tentem e contem-me.

 

Receita de Ambrosia da Vovó Nhá

– 1 litro de leite

– 240g de açúcar

– 250 ml de suco de laranja

– 6 ovos

– 2 cravos e 1 pauzinho de canela

– casca de um limão

 

Modo de Preparo:

1- Em uma panela, coloque o leite para ferver com o açúcar, pau de canela, cravos e casca de um limão.

2- Quando levantar fervura, colocar o suco de laranja. Ele talhará.

3- Enquanto levanta fervura novamente, em uma tigela à parte, coloque os ovos e os misture com um garfo.

4- Assim que começar a ferver, acrescente os ovos, mas não mexa neste momento (este é o pulo do gato).

5- Com uma colher grande ou concha, vire cuidadosamente a calda que está na panela sobre os ovos para que ele cozinhe. Mas não misture até que ele cozinhe por completo, assim, seus pedaços ficarão maiores.

6- Quando os ovos já estiverem cozidos, pode partí-los na panela mesmo com a ajuda da colher.

7- Abaixe o fogo e deixe cozinhar até formar uma calda grossa e cor levemente dourada. Deixe esfriar e leve-o para geladeira até a hora de servir.

Bom demais da conta!

 

 

Ovos Jo!e

Muitos de vocês me conhecem muito pouco para saber que eu sou loooooooooooooooooooooooouuuuuuuuuuuuuuuca por tranqueiras de cozinha (porém, todas SUPER ÚTEIS!!).

Não compro bolsas, sapatos ou roupas caras, mas sou capaz de comprar facas coloridas, colherinhas para mel, descascadores de nozes de todos os tipos e modelos, com as mais de mil e uma utilidades em uma tacada só!

Por isso eu só poderia ter vindo parar na cozinha! Não daria certo uma advogada com um taillerzinho da Lojas Marisa e um avental de cozinha Vivienne Westwood!

Minha útima aquisição, além de linda(!) é muito útil. Uma das mais úteis que já comprei! Olha essa carinha olhando pra mim: É um recipiente para cozinhar ovos no microondas. Meu filho come, todas as manhãs, 1 ovo mole para seu café da manhã. Só que ele não imagina que o ovo não sai pronto da cloaca da galinha!!! E não tem paciência para esperar a água ferver, o que demora mais em altitude, e nem sempre o ovo fica do jeitinho que a  Vossa Excelência deseja…

Mas com esse novo gadget, tudo ficou bem. Em 3’33” tenho um ovo mole perfeito para os padrões do meu pequeno: clara cozidinha e gema mole. Hummm!

E fui xeretar no site da Jo!e, que é a empresa que fabrica esta fofura e olhem só tudo o que eu encontrei! De enlouquecer! Agora sim viro uma kitchen gadget freak!!

Viciei na Noz-Moscada!

Passei uma semana assando quiches para amigas e acho que de tanto “cheirar” o pozinho da noz moscada “viciei”. De repente me vi colocando esta especiaria em tudo! Fez um friozinho, lá estava eu tomando leite quentinho com canela e noz moscada. Dia de pasta, fiz bechamel só para usar a tal especiaria.  E quanto mais usava mais queria usá-la. Pesquisei e não é que a danada é danada mesmo? “O consumo de uma noz-moscada inteira ou 5 g do seu pó, podem produzir efeitos de intoxicação como: alucinações auditivas e visuais, descontrole motor e despersonalização.” http://www.erowid.org/plants/nutmeg/nutmeg_info3.shtml.

E a ingestão de 10g de noz moscada é o equivalente a um cigarro de maconha! Wow! Será que estou intoxicada?

Fiquei mais interessada e fui pesquisar sobre a Myristica fragans a árvore de onde vem esta bendito fruto.  Sua arvore é a moscadeira, da família das Myristica fragans. Ela cresce até atingir aproximadamente 18 metros de altura e só produz frutos após 15 anos de seu plantio! Mas, também, depois que começa a produzi-los são de 30 a 40 anos produzindo em média 1.500 a 2.000 por ano! “Choosing and Using Spices – A definitive guide to spices and aromatic ingredients and how to use them – with 100 exciting recipes” Sallie Morris and Lesley Macley – Select Editions – 1999.  Paro por aqui na materia de Botânica para nao falar besteiras. Mas descobri ainda que sua madeira é muito utilizada na fabricaçâo de móveis – talvez venha daí meu vício. Vou pesquisar se meus móveis sao feitos de Myristica fragans!

Também sempre tive curiosidade de como se extrae o macis da noz. Macis é a membrana que cobre a noz propriamente dita e descobri nas minhas pesquisas que é a casca da semente! E para extraí-lo é preciso deixar secar o fruto por vérios meses. Após este período esta “rendinha” se desprende da noz e é prensado para se transformar em condimento.

Macis. Uma rendinha linda e delicada que se transforma em uma rica especiaro

Quanto trabalho… Vou usá-la com mais caute-la a partir de agora que sei de tudo isso!

Ah… Por fim descobri que não estava intoxicada, mas sim apaixonada pelo sabor embriagante desta especiaria!

E como o friozinho está por toda parte a receita de Eggnog vem bem a calhar!

Prá esquentar qualquer clima!

Egg Nog

Ingredientes:
3 gemas de ovo
1/4 xícara de açúcar
2 xícaras de leite
pitada de sal
1/2 xícara de creme de leite
2 colheres (sopa) de rum
pitada de noz-moscada

Misture as gemas com o açúcar em uma tigela que possa ir ao banho-maria, acrescente a pitada de sal e o leite morno. Leve ao banho- maria e misturando sem parar cozinhe as gemas para que o creme engrosse levemente, deve cobria as costas de uma colher de pau. Retire do banho-maria e acrescente o rum, misture e leve à geladeira para esfriar completamente. Bata o creme de leite em ponto de chantilly leve, acrescente à mistura de leite e misture delicadamente, coloque em taças e salpique com noz moscada.