Vai Brasil, mas vá saudável rs!

  Passamos para as quartas, mas até aonde iremos? Não sei não, mas temos mais um jogo na sexta. Mais um dia de confusão, de cerveja e de petiscos. Oba!

  Essa foto é a vista da ponte do rio tietê ( lindo, né? poluído, mas lindo), do lado do supermercado que agora vende cogumelos frescos aqui na cidade! Viva, viva, viva! Agora o céu é o limite para as minhas receitas com cogumelos! E com shimegi fiz esta receita perfeita para acompanhar saudavelmente as cervejas nestes tempos de copa.

   Só pra lembrar, o shimeji é o terceiro cogumelo comestível mais cultivado no mundo. Nos países orientais, acredita-se que a espécie também possui propriedades relativas à redução do colesterol e à prevenção dos problemas hepáticos. Ele também fornece ergosterol, um precursor da vitamina D.

  Enfim, vamos em frente, não dá nem pra imaginar qual será a nossa situação no próximo post. O melhor é aproveitar a alegria agora, porque time do Felipão é assim mesmo, deixa a gente sofrer até o fim!

Ah, você pode fazer a berinjela do post passado e esse patê que até os mais carnívoros vão aprovar! Beijos e até mais.

tiete

Patê de Cogumelos Frescos
Print
Ingredients
  1. 200g de cogumelo shimegi picado
  2. 2 dentes de alho
  3. 3 colheres de sopa de azeite de oliva
  4. um punhado de salsinha picada
  5. um raminho de alecrim fresco
  6. um punhado de orégano fresco
  7. suco de meio limão
  8. sal marinho a gosto
Instructions
  1. Leve o azeite ao fogo mais baixo possível. Acrescente o alho, deixe "soltar" o sabor por alguns minutos. Acrescente o shimegi picado deixe cozinhar por outros 2 ou 3 minutos. Desligue o fogo e acrescente as ervas frescas. Depois de frio, processe no liquidificador com o suco de limão. Pronto pra servir com torradinhas ou legumes cortados em bastõezinhos.
Notes
  1. Essa receita você pode usar qualquer cogumelo, desde que seja fresco. As ervas podem ser substituídas pelas as que você tiver e pode caprichar na quantidade, caso seja do seu gosto.
Memórias Gastronômicas http://memoriasgastronomicas.com.br/

Antepasto de berinjela em homenagem à Itália!

  Ontem, me desculpem, não consegui escrever, o jogo do Brasil, a correria, a emoção e além do mais, ninguém estaria interessado rsrs! Eu adoro Copa. Fiquei puta com a Fifa, com o governo e principalmente com a roubalheira sacramentada que foi cantada aos quatro cantos quando fomos “eleitos” para ser a  sede de 2014. Mas, o momento é para de curtir o evento,  na minha opinião, devemos protestar nas urnas em outubro, lá sim é o lugar certo!

  Assisto todos os jogos que posso, acompanho TODOS os programas da ESPN e quero ser especialista rsrs!

  A cozinha está a mil e pra assistir esse jogo da AZZURRA que se empatar, classifica,  fiz este antepasto de berinjela leve, saudável para acompanhar quem não deve faltar no jogo: cerveja, hummm!

Como a maioria das minhas receitas, esta é fácil e rápida e lembrando que “a berinjela é um legume que contém vitamina B5 e sais minerais como cálcio, fósforo, ferro e fibra solúvel. A niacina (vitamina B5) protege a pele e ajuda a regularização do sistema nervoso e aparelho digestivo. Enquanto os minerais cálcio, fósforo e ferro contribuem para a formação dos ossos e dentes, construção muscular e coagulação do sangue.  Poucas pessoas sabem, contudo, que ela é um vegetal com poder de diminuir o colesterol e reduzir a ação das gorduras sobre o fígado. Seu suco é utilizado nas inflamações dos rins, bexiga e uretra como poderoso diurético.  Palavras do  Prof. Dr. Edson Credidio,  médico nutrólogo.

Juntemos então o útil ao agradável neste saboroso aperitivo!

Vai Brasil!!!!!!!Beijos e até o próximo!

Antepasto de berinjela
Print
Ingredients
  1. 3 berinjelas orgânicas com casca cortadas em rodelas
  2. 10 tomatinho cereja orgânicos cortadas em rodelas
  3. 1 dente de alho picado
  4. 50g de queijo de cabra
  5. 3 colheres de azeite extra virgem
  6. 2 pimentas cumari do Pará picadas
  7. Orégano fresco
  8. Sal marinho a gosto
Instructions
  1. Em uma frigideira bem quente e sem óleo, grelhe as fatias de berinjela e reserve. Dê uma salteada nos tomatinhos. Em outra frigideira com fogo baixíssimo coloque o azeite, o alho e a pimenta e deixe por 5 minutos até "soltar" bem o sabor do alho e da pimenta. Deixe esfriar. Misture bem todos os ingrediente e sirva com torradas ou piadina.
Notes
  1. Se você não gosta de pimenta forte, use a de sua preferência. Se não tiver orégano fresco, use o seco. Você pode substituir o queijo de cabra por queijo cottage ou iogurte de consistência firme.
Memórias Gastronômicas http://memoriasgastronomicas.com.br/

Feliz Dia das Mães e uma receita de Camarão para comer ajoelhada!!!

Camarão empanado com Coco

Camarão empanado com CocoEsta história de mudança é sempre corrida…acaba falando tempo para fazermos coisas que adoramos. Mas aos poucos, a vida vai entrando num ritmo mais normal… ainda estou em um quarto de hotel com as meninas e meu marido com o caos instalado e pouco tempo e espaço (nenhum na verdade) para cozinhar… 

Com esta história, se não fosse a Valéria, o Blog estaria abandonadinho. Mas nos desdobramos em várias, literamente, para uma poder cobrir a outra e para que consigamos escrever e administrar as funções de mãe, mulher, profissional, amante e foodlover!!!!

Por isso, hoje resolvi ligar o computador às 3h da manhã (pós acordada da minha filha de 7 meses que está com dentinho nascendo…) para escrever este post aqui.

Antes de mais nada, FELIZ DIA DAS MÃES!!!!!!!!!!!!!!!! Tenho que render homenagem à minha mãe, minha inspiração, referência e apoio, minha sogra, parceira de muitos momentos especiais,  mãe que ganhei de presente pela vida. Ambas nosso apoio em momentos críticos! Vocês são heroínas!!!! E à minhas filhas que me permitiram apreender o que é ser mãe. Tem que viver… não dá para explicar. Merci!

Deixo aqui uma receita super fácil mas de sabor incrível! Quem sabe os filhos de plantão não resolvem fazer rapidinho para surpreender sua mãe.

Camarão Empanado com Coco
Print
Ingredients
  1. - 800g de camarão grande descascado (apenas com rabinho) e limpo.
  2. - 1 limão
  3. - 3 ovos ligeiramente batidos
  4. - 1 xícara de farinha de trigo (para quem tem intolerância a glúten, pode substituir por fécula de batata, amido de milho)
  5. - 250g de coco seco em flocos, sem açúcar
  6. - sal e pimenta à gosto
  7. - óleo da sua preferência para fritar (o óleo de coco dá um toque especial!)
Instructions
  1. Pegar o camarão, passar em água corrente rapidamente (se ele não estiver limpo, retirar casca e aquele fiozinho preto - o intestino dele). Temperá-lo com limão, sal e pimenta. Reservar.
  2. Separar 3 vasilhas. Colocar os ovos levemente batidos com um pouquinho de sal e pimenta em uma vasilha. Em outra, colocar a farinha de trigo temperada com sal e pimenta. Na terceira, colocar o coco em flocos.
Pegar cada camarão pelo rabinho e empane da seguinte forma
  1. 1- Passe-o pelos ovos, escorra o excesso.
  2. 2- Passe-o (já coberto pelos ovos) pela farinha.
  3. 3- Passe-o pelos ovos novamente e retire o excesso.
  4. 4- Passe-o pelo coco. Reserve e um prato.
  5. Enquanto finaliza este processo, aqueça o óleo. Quando estiver quente, colocá-lo cuidadosamente o camarão na panela e deixe-o dourar.
  6. Voilá! Sirva quente!!!
  7. Nesta foto, servi como acompanhamento em um prato que tinha moqueca de camarão e arroz branco.
  8. Mas adoro serví-lo sozinho. Para acompanhá-lo, faço uma calda rápida de alguma fruta mais azedinha (tamarindo, pitanga funcionam super bem).
  9. Para a calda: 1 xícara de polpa da fruta e 1/2 xícara de açúcar.
Notes
  1. Não é o camarão pistola, mas se quiser fazer com ele, calcule cerca de 3 por pessoa. Pode-se fazer com o camarão menor também, tudo depende de quanto pode gastar.
  2. Você pode fazê-lo naquelas máquinas que fritam sem óleo.
Memórias Gastronômicas http://memoriasgastronomicas.com.br/

 

 

Dica para o fim de semana: petisco para receber os amigos

Petisco de Melão com Presunto de Parma

Petisco de Melão com Presunto de ParmaFim de semana chegando e eu nem vi a semana passar…

Mas hoje é sexta-feira! Dia de relaxar, encontrar os amigos e, no meu caso, despedir dos cantos que mais curto de Curitiba… mas esta história fica para outro post.

Hoje quero deixar aqui uma dica, nem posso chamar isso de receita…

Fui receber uns amigos em casa e na correria não preparei nada. Mas meus amigos sempre esperam alguma comidinha especial quando vem aqui. Acho que os eduquei mal… rsrsrsrs

Então faltando alguns minutos para eles chegarem, fui correndo para cozinha e 2 coisas me salvaram… te conto aqui como fazer este petisco fácil e delicioso:

 

Palitos de Melão Cantaloupe com Presunto de Parma
Print
Ingredients
  1. - 1/2 melão cantaloupe
  2. - 200g de presunto de parma
  3. Utensílios: palitinhos ou garfinhos charmosos
Instructions
  1. Retire as sementes e a casca do melão. Corte-os em 4 a 5 fatias e reparta-os em cubos.
  2. Enrolar as fatias de presunto de parma (de modo geral 1 fatia cobre 2 cubos pequenos) e coloque em palitinhos ou garfinhos.
  3. Pronto! Leve, charmoso e delicado! Experimente neste fim de semana e nos conte aqui!
Memórias Gastronômicas http://memoriasgastronomicas.com.br/

Alguém já viu cabeça de bacalhau? Não importa!

Ando sumida pois o trabalho está me consumindo. Tenho feito um evento, no mínimo, por semana o que me deixa ocupada e presa na minha cozinha, longe do computador e da vida social…

Mas isso é bom já que meu sacrifício de Quaresma este ano foi deixar de acessar o Facebook durante os quarenta dias de penitência. Estava viciada e “fofoqueira”!!!

Um desses trabalhos é um evento de comidinhas de boteco que vou preparar para comemorar os 40 anos de uma amiga. Imagine só a responsabilidade dessa “degustação” onde a maioria dos convidados são mexicanos. Ay caramba!

Pensando no cardápio me ocorreu preparar bolinhos de bacalhau já que nesta época a oferta de bacalhau é abundante, estão em excelente qualidade e a bom preço.

E me lembrei de uma receita que é maravilhosa por si só e uns pequenos ajustes (!) a deixaram maravilhosa. Esta receita foi publicada no blog de Saul Galvão em 2007. Nunca mais esqueci, mas a preparei poucas vezes. E cada vez achava que precisava de algo mais apesar se ser perfeita! Até está versão final, que divido com voces e deixo todo mundo a vontade para acrescentar a uma pitaca!

Bolinhos de bacalhau de Maria de Lourdes Modesto por Saul Galvão com minhas pitacas.

250 gramas de bacalhau;

1 litro de leite;

2 folhas de louro seco

200 gramas de batata;

½ cebola picada bem miudinha;

1 colher de sopa de salsinha picada;

1 colher de sopa de ciboulette picada;

1 cálice pequeno de vinho do Porto;

3 ou 4 ovos;

noz-moscada ralada na hora, o quanto baste;

sal e pimenta-do-reino, o quanto baste;

1/4 de xícaras de azeitonas pretas picadas;

azeite de oliva para fritar.

Dessalgue o bacalhau com bastante antecedência. Se não for muito espessa a posta, 48 horas trocando a água muitas vezes, a cada 2 horas. É bom manter o bacalhau na geladeira.

Cozinhe o bacalhau dessalgado no leite e folhas de louro. Retire as eventuais espinhas e a pele. Desfie o bacalhau. Eu gosto de deixar pedaços um pouco grande para sentir a textura do bacalhau.

Descasque e cozinhe as batatas. Esprema as batatas ainda quente formando um purê. Eu ainda passo na peneira pois gosto da batata bem lisinha.

Coloque o bacalhau e o purê de batata numa vasilha. Junte a cebola picada, o vinho do Porto, a salsinha, a ciboulette e as azeitonas. Tempere com noz moscada, sal e pimenta.

Vá misturando a preparação com as mãos e colocando os ovos, um a um até conseguir uma massa homogênea. A quantidade vai depender do tamanho dos ovos e da quantidade de água que tenha absorvido as batatas no cozimento.

Molde os bolinhos com duas colheres formando queneles. Frite em abundante azeite de oliva bem quente.