Quem quer pão??

PAO_NOSSO_1383688532PFaz alguns anos (Nossa! Anos, já!) eu escrevi este post aqui falando sobre fermento natural, ou levain, onde conto a saga de fazer um pão deliciosamente natural em casa. Foi uma aventura incrível participar desta experiência com o Luiz Américo de Camargo, colunista do Estadão. Todos esses detalhes estão no post.

Na semana passada tive a grata realização de conhecer o Luiz pessoalmente. Acontece que a experiência do levain deu tão certo que o blog virou livro! E na semana passada estive, junto com uma multidão prestigiando este trabalho! IMG_20131126_191808

“Este livro – sua semente, ao menos – nasceu no blog. Muito tempo atrás. Eu e uma multidão de leitores criamos fermentos naturais juntos, ao vivo, em tempo real. Muitos, eu sei, viraram padeiros orgulhosamente amadores. E eu continuei meu caminho, de cultivar leveduras, testar possibilidades, amassar quilos e quilos de farinha. Anos depois, aprendendo novas técnicas e truques, colecionando histórias, chega o momento de tirar do forno este Pão Nosso(…)” – Luiz Américo de Camargo.IMG_20131126_195749

Além de ensinar os segredos do levain, Luiz Américo ainda propõe receitas caseiras que passaram pelo seu rigor de crítico de gastronomia. São dezenas de pães: integral, de nozes, de azeitona, de mandioca, baguete, até panetone tem. E você também vai encontrar refeições inteiras em torno das fornadas. Da irr

esistível salada panzanella, passando pela surpreendente rabanada salgada, até um ragu de linguiça que é de limpar o prato – com pão, naturalmente.

E aproveitando o gancho do post anterior da Letícia, fiquei com muita vontade de fazer um piquenique. Pensei, pensei, e encontrei a receita ideal para carregar na cesta com uma boa garrafa de vinho, fatias de melancia e muita água aromatizada com hortelã.

Como iria assar o pão Miracle Boule resolvi aproveitá-lo e fazer um Pan Bagnat. Uma receita deliciosa e um preto único perfeito para um piquenique. Este sanduiche é muito comum na região de Nice, no sul da França. Na verdade, era o “almoço” dos agricultores da região! Trata-se de um pão cavado recheado com o que você tiver disponível na geladeira e banhado em um bom azeite de oliva! É isso! Sem segredos, mas com muito sabor! Além do sol e da boa companhia nada mais é preciso para um delicioso dia no parque!

 

Pan Bagnat pan_bagnat

1 pão grande feito em casa! receita aqui

1 dente de alho, cortado ao meio
1 beringela pequena, fatiada finamente
1 pimentão vermelho cortado em tirinhas finas
1 pimentão amarelo cortado em tirinhas finas
1 bola de mussarela de búfala, fatiada finamente
azeite de oliva
2-3 colheres de sopa de vinagre de vinho tinto, ou a gosto
100 g queijo parmesão
6 colheres de sopa de tapenada ou qualquer outro antepasto
1 punhado folhas de espinafre bebê
10 fatias de tomates secos
4 raminhos de manjericão
ovos cozidos duros fatiados

Sal e pimenta do reino a gosto

1. Corte a parte de cima do pão para fazer uma tampa. Cave o miolo para ficar oco, como uma concha. Esfregue o interior com o alho.

2. Enquanto isso, aqueça uma frigideira e, em seguida, salteie as beringelas e pimentões até ficarem suaves.

3. Coloque uma camada de legumes dentro do pão. Coloque a mussarela por cima, regue com vinagre e abundante azeite de oliva para encharcar o pão e, em seguida, coloque o restante dos ingredientes em camadas, não se esquecendo de um toque de sal e pimenta do reino. Todo o pão deverá ser preenchido com os ingredientes. Arrume bem bacana para que, quando cortar o pão, as camadas estejam arrumadas! Não se esqueça que primeiro comemos com os olhos!

4. Coloque a tampa de volta no pão e embrulhe em filme plástico. Coloque na geladeira com um peso sobre o pão. Deixe descansar durante a noite.

5. No dia seguinte, na hora do seu piquenique, retire da geladeira e corte com uma faca bem afiada em fatias grossas para que exibir as muitas camadas. Se for preciso coloque um palito de dentes para segurar a tampa do pão. Só não se esqueça de retirá-lo antes de servir para seus convidados!

Que tal convidar a garotada para fazer um piquenique?

nuggets saudáveis

nuggets saudáveisSei que o clima anda maluco. Aqui em Curitiba cada momento é uma surpresa. Por isso, já comecei a escrever este post várias vezes e desisti.

Agora, faça chuva ou faça sol, postarei!

Eu adoro piquenique. Já falamos sobre isso em alguns posts, como este ou este aqui… É o tipo de programa que funciona bem para várias situações: desde um programa solitário, com um bom livro, frutas, queijos e um belo vinho. Programa casal, bem romântico (tire o livro, coloque mais vinho e um chocolate para fechar com chave de ouro…), com os amigos ou, o meu favorito: com a criançada participando de cada etapa.

É o tipo do programa que vale muito a pena. Afinal, juntamos natureza, boa comida e boa companhia. Não precisa de mais nada!

Para organizar seu piquenique, convide seu filho para participar desde a escolha do cardápio até a recolhida do lixo ao final do evento. Você verá que tudo terá um gosto especial! Abaixo algumas dicas especiais:

1- Escolha cuidadosamente o parque ou espaço onde fará o seu piquenique. Pense em um lugar agradável, com área livre, com alguma sombra para fugir do sol e com banheiro disponível.

2- Separe toalha, sacola (cesta ou carrinho), saco de lixo, repelente, guardanapos, lenço umedecido (é sempre útil!). Para as crianças, lembre-se dos brinquedos!

3- Prepare comidas leves, doces e salgadas, que possam ficar um bom tempo fora da geladeira e coloque-as em embalagens que facilitem seu transporte e consumo. As reaproveitáveis são ótimas opções. Eu sempre levo pelo menos uma opção de fruta bem apetitosa. Sanduíches e saladas são super práticos e você pode levar dos mais básicos aos mais incrementados. Bolo também é uma ótima pedida!

4- Lembre-se da bebida: água, sucos e até um vinhozinho caem super bem!

Assim, será diversão na certa! Abaixo uma receita perfeita para seu piquenique ser um sucesso:

Receita Nuggets saudável de Frango (serve 3 a 4 pessoas)

– 1 peito de frango

– 170ml de iogurte

– 3 ovos

– Flocos de milho* o quanto baste (cerca de 300g)

– 50g de Xerém de castanha de caju (pode ser outra castanha de sua preferência)

– Sal e pimenta do reino a gosto

– 1/2 limão

– 1 colher de chá de tomilho (fresco ou seco)

 

Modo de Preparo:

1- Cortar o frango no formato de preferência (eu gosto de abrir o filé e depois cortar em tiras maiores)

2- Colocá-lo para marinar no iogurte, temperado com limão, sal e pimenta do reino. Deixar marinar por 30 minutos.

3- Em uma vasilha, quebrar os ovos e misturá-los ligeiramente. Temperar com um pouquinho de sal, pimenta e tomilho. Reservar.

4- Em outra vasilha, misturar os flocos de milho, o xerém. Temperar com um pouco de sal.

5- Pegar cada pedaço de frango e empanar, passando pelo ovo, depois pela farinha. Ratepetir o processo mais uma vez.

6- Colocar o frango empanado em uma forma untada ou forrada com papel manteiga e levar para assar em forno pré-aquecido a 200 graus por cerca de 15 minutos (virar na metade do tempo) ou até dourar.

*Nota: Os flocos de milho podem ser substituídos por aveias, cereal de milho sem açúcar, fubá, farinha de mandioca ou a tradicional, farinha de rosca. Experimente a que mais agrada o seu paladar. É bom que você tem uma ótima desculpa para fazer esta receita várias vezes!

Nota2: leve um molho da sua preferência para acompanhar! Vale chutney também!

Boa diversão!

Memórias Gastronômicas no Google+ Restaurant Week

Afff! Depois do post anterior não tem como vir inspiração para escrever nada. Só ficar babando…

Que festa linda, deliciosa e prezerosa! O que melhor que se juntar com uma grande amiga para realizar este projeto? Talvez aparecer ao vivo para mais de 7 bilhões de pessoas? Ok, ok. Exagerei? Nem todo mundo tem acesso a internet… Nem todo mundo fala português… Então seriam 82 milhões de usuários te vendo ao vivo e a cores! 🙂 Veja aqui!

Foi esse o nosso sentimento ao realizar o Hangout que foi ao ar no dia 13/09/2012 as 17 horas. Que falavamos para um mundão de gente. E com essa responsabilidade fizemos 2 receitas e falamos sobre dicas, ainda no tema do piquenique, que  deixamos registradas aqui para vocês! Esperam que curtam e não se esqueçam de fazer em casa, também.

 

Mini Cake de Maracujá e Doce de Leite 

1 pote de 170 ml de iogurte
a mesma medida de óleo
3 ovos
1 e 1/2 xícaras de açúcar
2 xícaras de farinha de trigo
1 colher de sopa de fermento em pó

polpa de 1 maracujá azedo bem maduro
1/4 de xícara de farinha de trigo
doce de leite para rechear

Aquecer o forno a 180 graus

Bater os 4 primeiros ingredientes no liquidificador e incorporar nos 2 últimos peneirados.  Esta é uma receita base que você poderá usar e abusar com vários sabores. Neste caso, acrescentamos a polpa do maracujá e um pouco mais de farinha de trigo (1/4 de xícara) para dar a consistência correta.

Colocar a massa em forminhas untadas com manteiga e enfarinhadas ou forradas com forminhas de papel até 1/3 da capacidade. Rechear com uma colherada de doce de  leite e completar o outro 1/3 da capacidade com massa. Assar em forno pré aquecido por 20 minutos ou até que esteja firme e dourado. Faça o teste do palito.

 

Salada de Frango ao Curry e Manga (Serve 2 porções) 

120 gr de peito de frango cozido e cortado em cubos*
1/2  xícara de folhas de salsão picadas
2 colheres de sopa de pimentão vermelho picado em cubinhos pequenos
100 gr de mangas Tommy descascadas e cortadas em cubos
3 colheres de sopa de maionese
3 colheres de sopa de iogurte natural
suco e raspas de 1 limão
2 colheres de chá de curry
sal e pimenta, o quanto baste

* Para cozinhar o frango tempere o peito com sal e pimenta e leve ao forno a 220 graus por 20 minutos ou até que perfurado o líquido saia claro, sem vestígios de sangue.

Quando o frango estiver trio corte-o em pequenos cubos. Acrescente o pimentão, as folhas de salsão e a manga.

Em uma tigela misture a maionese, o iogurte, o suco de limão e o curry. Misture bem até ficar bem homogêneo.

Tempere a mistura de frango com o molho de curry. Acrescente sal e pimenta e prove o tempero.

Piquenique: uma ideia deliciosa de aniversário!

Pincnic

PincnicO mês de Setembro foi repleto de deliciosas surpresas para nosso Blog. Inicialmente, fomos convidados a participar da semana de Hangouts do Google+ / Restaurant Week. Mas sobre isso a Patrícia fala em outro post.

Mas o mais gostoso, foi que a Patrícia e eu tivemos uma oportunidade única de preparar uma festa juntas! Nós já cozinhamos algumas vezes juntas, na casa uma da outra, mas pela distância geográfica, nunca fizemos um evento. A oportunidade foi perfeita!!!

Era uma festa de 3 anos cujo tema era Chapeuzinho Vermelho. Como seria feito em uma deliciosa área gramada, e para entrar no clima da história, bolamos um cardápio estilo piquenique. E para completar, a festa foi pela manhã, o que favoreceu muito este clima informal. Assim, as crianças ficaram bem à vontade para fazer o mais importante: brincar!

A Pati ficou responsável pelo serviço e pelo cardápio salgado. Eu, pelos bolos e pequenas delícias feitas com açúcar e afeto… Mas tivemos várias colaborações especiais, como da Val, da dupla de Eloízas, do Augusto e muito mais… ah! E eu me aventurei em outra praia: identidade visual e decoração! Tive que buscar no fundo do baú, pois há muito não me metia nisso. Frio na barriga…

Mas nada como um pouco de planejamento… depois de alguns de dias de trabalho, o grande dia chegou. O sol nos presenteou com o clima perfeito e a pequena aniversariante ficou deslumbranda com cada detalhe. Eba!!!!

espetinhos de frutasNo menu, tivemos opções leves próprias para o horário. Começamos com espetinhos de frutas, iogurte com mel e granola, mini bolos de marcujá, banana e bolo de iogurte. Mas também oferecemos vários tipos de sanduíches, omeletes e quiches. No doces, também fizemos tortinhas de maçã, cheesecake de frutas vermelhas, doce de abóbora com côco, além dos tradicionais doces de aniversário.

O bolo foi uma história a parte… como um dos personagens principais, ele contou um pouco da história da festa. Foi realmente o desafio para mim, mas as crianças gostaram tanto que valeu cada minuto de dedicacao!

Vamos postar ao longo dos próximos dias algumas das receitas deste evento tao prazeroso para o Memórias… Hoje começarei, não com uma receita, mas com a explicação / dicas de como fazer este bolo. Pois isso foi o que mais recebi como pergunta nos últimos dias.

Então vamos la!

 

Bolo de Aniversario de casinhaO mais complicado e construir o layout do que quer fazer. Como a história era sobre Chapeuzinho, resolvi o cenário de onde se desenrola a história: a floresta e a casa da vovó.

Para isso fiz:

1- o chão da floresta: que nada mais era que 4 receitas de brownie feitas em uma forma bem grande. Cubra o bolo com a calda de chocolate da sua preferência e construa o gramado.

2- Gramado: côco seco coolorido com corante verde comestível

3- Caminho da floresta: delimitei o caminho com pedrinhas que na verdade eram pé-de-moleque de caramelo glaceados com chocolate. Na estrada pus m&m de uma única cor.

4- Árvores: PopCakes de beterraba (escolhi este sabor por ser mais saudavel…) glaceados com chocolate e confeitados com o mesmo côco da grama.

5- Flores: feitas de jujubas, delicados e M&Ms

6- A casinha… esta foi uma história  a parte… a fiz de biscoito de gengibre, mas glacei com chocolate para mantê-lo crocante. Como não tinha forma específica, fiz o molde para cortar o biscoito. Porém quando ele assa, cresce e deforma um pouco. Então, para colocar a casa de pé, pus, uma base de bolo de chocolate, do tamanho da casa e colei as paredes com chocolate. Depois de seco, pus o telhado. Esperei mais um pouco… E então, confeitei a casa com cereais, tubettes cortados, jujubas e m&ms. Dá trabalho, mas foi muito prazeroso ver a expressão de encanto da minha filha quando viu tudo pronto.

Para dar o toque final, colocamos tags com os personagens da história espalhados pelo bolo.

Se voce tem crianças tente, de vez em quando, fugir destes lindos e perfeitos bolos de pasta americana e tente fazer um destes. O esforço, vale o sorriso!

Boa festa!