Cuscuz de Tapioca com calda de goiabada

Se joga nesta delícia!

Quer coisa mais brasileira que cuscuz de tapioca? Quando era criança, sempre ficava ansiosa pela chegada na praia durante as férias para brincar, é claro, e para comer cuscuz de tapioca. Aqueles que vendem no calçadão da praia com leite condensado… huuuummmm.

Esta versão, respeita o modo de preparo do cuscuz e dá um toque especial com a calda de goiabada. Sucesso na certa!

E você não imagina como é fácil fazer!

Filme produzido pela Frame22, receitas deste blog aqui. Feito com carinho para a Casa&Video, onde você encontra todos os utensílios usados aqui.

Taças de delícia de maçã para surpreender!

Estas taças são super fáceis de fazer e incrementam qualquer almoço.

Experimente e apaixone-se! Só de assistir já me deu vontade de fazer de novo. E quer saber o melhor? Você já deve ter todos os ingredientes em casa!

As receitas destes vídeos, como disse no post anterior, foram desenvolvidas e executadas por mim.

O filme foi feito pela equipe da Frame22.

Tudo isso com bastante carinho para o projeto da Casa&Video. Todos os utensílios estão à venda no site deles. Passa lá e confira!

Ah! E não deixe de experimentar esta receita!

Brownie especial para um projeto que amei fazer!

Fui convidada para participar de um projeto tão especial para mim que não posso deixar de dividir aqui no blog.

Uma querida amiga precisava dar uma turbinada no fluxo de possíveis compradores no site da sua empresa que vende produtos para sua casa e facilitar a sua vida.

E eu doida para poder experimentar fazer vídeos de culinária.

Assim surgiu este projeto delicioso, executado primorosamente pela Frame22. Todos os utensílios utilizados são da Casa&Video – www.casaevideo.com.br.

Vou postar todos aqui.

Ah! E as receitas são especialmente feitas para dar uma animada na comida do dia-a-dia. Tudo simples, de baixo custo e fáceis de fazer.

Vale testar!

Sorvete de manga e maracujá

 

Como presente de aniversário, ganhei este lindo projeto para fazer. Fiquei estasiada!

Ansiosa mesmo para botar a mão na massa…

Depois de algumas semanas de planejamento, orçamento, aprovação. Voilà! Tudo pronto e as filmagens foram marcadas exatamente na véspera do meu aniversário. Presente melhor eu não podia ter!

Não foi fácil. A trabalheira é maior que eu imaginava. Mas foi incrível participar deste projeto deste o início.

Obrigada à Frame22 pela beleza dos filmes que fizeram. Obrigada à Casa&Video pela oportunidade de ajudá-los a ativar seu e-commerce!

À propósito, todos os utensílios usados nestes vídeos estão à venda lá no site deles. Clica aí!

Agora vamos à receita…

Esta receita é uma delícia!

Mas como foi a primeira que filmamos, confesso que a aparência final do sorvete não condiz com a cremosidade e textura que ele tem.

Sempre que faço este sorvete de manga com maracujá aqui, é sucesso total!

O mais legal é que ela não leva açúcar. Apenas o doce da manga bem madurinha. Experimente!

Minha dica especial: congele os cubos de manga antes de processá-los. O sorvete já sairá com a textura ideal!

yummmy!

Pudim de pão com chocolate branco e calda de frutas vermelhas

Pudim de pão com chocolate brancoOntem, eu e minha irmã de coração fomos a um bistrô de uma tradicional loja de departamentos aqui na Flórida. O nosso objetivo era claro: comer a “white chocolate bread pudding” deles, O toque do chocolate branco com frutas vermelhas, a torna ainda mais convidativa…

A Jú é apaixonada por esta sobremesa e por isso já havia experimentado e testado as melhores daqui.

Ela já fez e testou esta receita que pode ser feita e congelada já fatiada. Assim, você fica com uma sobremesa maravilhosa e pronta para emergências.

No Brasil, a gente não tem o hábito de fazer muitas sobremesas com pães. Mas, sugiro que experimente esta e depois coloque a imaginação para funcionar: outras caldas, raspinhas de laranja, chocolate amargo… enfim, o seu toque pode transformar o pão nosso de cada dia em uma sobremesa nova e muito saborosa!

Esta receita que coloco aqui, é deste bistrô que visitamos (N bistrot, na loja Nordstrom), mas já com as nossas adaptação. Coloco o link da receita original, caso queiram experimentar também. Mas te garanto que a nossa fica melhor: mais calda de frutas vermelhas e um pouco menos de gemas!!!! ; D

Mais uma observação, a foto é da que comemos no bistrô, pois muita gente estava pedindo a receita para testar e, sinceramente, não estou podendo me acabar de comer estas delícias… projeto verão 2016… mas isso é outra história…

Bon appétit!

Pudim de Pão com Chocolate Branco e Frutas Vermelhas
Print
Para o pudim
  1. - 5 colheres de manteiga sem sal derretida (3 serão para a finalização na hora de servir)
  2. - 4 xícaras de creme de leite fresco
  3. - 2 xícaras de leite
  4. - 1 xícara de açúcar
  5. - 3 e 1/2 xícaras de chocolate branco (em gotas ou picados)
  6. - 6 ovos grandes e mais 6 gemas de ovos
  7. - 1 colher de chá de essência de baunilha (se você puder utilizar, utilize uma fava raspada, fica mais legal)
  8. - 1 pão de rabanada ou uma baguete de qualidade (é importante que seja adormecido), cortado em fatias grossas de cerca de 2 cm. Você também pode fazer com brioche. Escolha um pão de qualidade boa pois isso influenciará a sua receita!
  9. Para a Calda de Frutas Vermelhas
  10. - 1/2 xícara de água
  11. - 1/2 xícara de açúcar mascavo
  12. - 2 colheres de chá de raspas de laranja
  13. - 3,5 xícaras de frutas vermelhas congeladas ou frescas (eu gosto de colocar morangos, mirtilos, amoras e framboesas)
  14. - 0,5 xícara de cereja em calda com a calda (Se você puder colocar as frescas melhor, aí acrescente mais 1/2 xícara de açucar e uma dose de rum)
Para a calda de Chocolate Branco
  1. - 1/2 xícara de creme de leite fresco
  2. - 1 xícara de chocolate branco (gostas ou picados)
  3. Guarnição: raspas de chocolate branco, frutas frescas (opcional) e folhas de hortelã
  4. Utensílios: forma e papel manteiga
Instructions
  1. 1.Preaquecer o forno à 180 graus. Cubrir uma forma retangular com papel manteiga e untar com duas colheres de sopa da manteiga derretida (reservar o resto da manteiga).
  2. 2. Misturar o creme de leite, o leite e o açúcar em uma panela. Levar ao fogo médio até aquecer. Retirar do fogo, misturar o chocolate até derreter. Reservar e deixar esfriar.
  3. 3. Misturar os ovos, gemas e essência ou fava de baunilha. Aos poucos, virar a mistura de creme já morna nos ovos , mexendo até ficar homogêneo e bem misturado (se o creme estiver quente os ovos cozinham e talham).
  4. 4. Colocar metade das fatias de pão na forma preparada . Verter a metade da mistura sobre pão e deixar que o líquido penetre bem. Colocar o resto do pão por cima e despejar o resto da mistura. Pressionar um pouco os pães até absorver bem o líquido. Cobrir com papel alumínio.
  5. 5. Levar ao forno e assar por uma hora. Descobrir e continuar a assar até que o líquido no centro tenha evaporado e o pudim dourar (cerca de 30 minutos) . Desenformar sobre uma grade. Deixar esfriar.
  6. 6. Cortar o pudim em seis retângulos (cerca de 5 x 8 cm mas pode variar de acordo com o tamanho da forma). Em seguida, corte cada retângulo em dois triângulos.
  7. Após esta etapa, você pode optar por finalizar e servir na hora ou congelá-los separando-os individualmente com papel manteiga ou filme e finalizar depois.
Para a calda de frutas vermelhas
  1. 1. Colocar todos os ingredientes, exceto as framboesas para cozinhar em fogo médio. Quando engrossar um pouco (ponto de calda grossa), acrescentar a framboesa misturando delicadamente para não desmanchar. Desligar e reservar.
Para a calda de chocolate branco
  1. 1- Aquecer o creme de leite em fogo médio. Quando estiver quente, desligar e acrescentar o chocolate. Mexer até obter uma mistura homogênea. Reservar.
No momento de servir
  1. 1. Preaquecer o forno a 180 graus. Untar uma folha de papel manteiga e colocar os triângulos sobre ele. Pincelar com o restante da manteiga derretida. Assar até dourar (aproximadamente 12 minutos).
  2. 2. Colocar um triângulo em cada prato. Regar com a calda de chocolate. e por cima colocar a calda de frutas. Você pode decorar com raspas de chocolate, frutas frescas e folhas de hortelã.
Notes
  1. 1. Não utilise cobertura de chocolate, elas tem muita gordura vegetal. Opte para o que está escrito chocolate apenas.
  2. 2. Você pode usar um descascador de legumes para cortar as fitas a partir de um pedaço de chocolate branco.
Adapted from Letícia Villela e Juliana Ortega
Memórias Gastronômicas http://memoriasgastronomicas.com.br/

Sobremesa SOS, sorvete de limão ou mousse, depende da sua pressa!

Mamãe me deu todas as suas receitas. Ela guardou todas que gostaria de fazer um dia! Essa  foto é de uma  revista dos anos 70. Pura relíquia! Aliás, a receita desta delícia de sorvete de limão, vem de uma dessas que como eu usei muito, acabou desmanchando. A receita original era de mousse, mas um dia esqueci no freezer e  ficou a perfeita consistência de sorvete!

anúncio

Já é Natal!  Fomos no centro da cidade de São Paulo segunda-feira, Marcos e Lucas foram atrás de seus instrumentos musicais e eu para os últimos presentes. O centro é o máximo, muito pertinho da loucura da 25 de março, mas o movimento é completamente diferente. Que shopping que nada! Vem pra rua vem! Amei e repetirei no ano que vem! Claro que tem muita gente, mas dá pra ser bem  atendido, você vai de metrô e ainda tem o charme dos prédios antigos, muita música, performances, e gente de verdade!

Tem uma energia muito boa espalhada por ai, mesmo com todo o consumismo dessa época, o amor está no ar! Dá vontade  de bater na porta do vizinho e desejar bom dia e beijar o português da padaria ♪♫♩♫♭♪♯♬! Viva Zeca Baleiro!

  E viva o Natal! Deixe essa energia tomar conta de você! Esses são os meus sinceros votos e se precisar de uma receita de última hora de sobremesa rápida, aproveite esta a galera vai adorar!

 

Beijos pra todos! 

Sorvete ou Mousse de limão
Print
Ingredients
  1. 4 claras de ovos caipiras de boa procedência e bem lavados
  2. 1 lata de leite condensado
  3. 12 colheres de sopa de suco de limão ( uns 3 limões aproximadamente)
Instructions
  1. Bata as claras bem firmes. Misture o suco de limão e o leite condensado, perceba que o leite condensado fica firme. Delicadamente misture bem as claras. Leve ao freezer. Se quiser consistência de mousse deixe por 2 horas. Se quiser consistência de sorvete deixe de 4 a 6 horas. E voilá!
Adapted from Receita de Leite Moça do anos 70
Adapted from Receita de Leite Moça do anos 70
Memórias Gastronômicas http://memoriasgastronomicas.com.br/
 

Coco, coco, cocada ♪♫♩♫ é cocada pro Natal!

Se tem coco, eu gosto! E cocada então, nem se fala! Cocada tem gosto de festa e de Natal também, por que não? 

Teve um tempo que eu fazia cocada e  presenteava! Colocava em um pote de vidro grande  e quem ganhava, chegava enjoar de tanta cocada rsrs!

Ok, com essa quantidade de açúcar e gordura ( mesmo sendo vegetal é gordura!) não é tão saudável, mas em dia de festa pode! O coco tem  excelente teor de sais minerais, como potássio, sódio, fósforo e cloro, assim como fibras.

O bacana é que os que estão evitando lactose podem comer! Essa cocada foi fotografada pela minha irmã para quem tenho cozinhado os quitutes sem lactose, na verdade ela é intolerante a caseína, a proteína do leite, a bichinha fica toda empolada se come algo com sua inimiga rsrs!

coco orgânico

 Pra quem não consegue encontrar coco fresco com facilidade  existe o Finococo que além de ser orgânico tem um preço bastante justo! Como sou viciada em coco,  sempre tenho em casa! Dura bastante porque é embalado a vácuo.

Enfim, uma sobremesa brasileira, deliciosa que pode até virar presente!

Até a próxima com mais ideias de Natal! Beijos.

 

Cocada
Print
Ingredients
  1. 3 xícaras de coco ralado orgânico
  2. 3 xícaras de açúcar orgânico
  3. 1 1 1/2 de água
Instructions
  1. Em uma panela, de preferência de cobre, em fogo alto, coloque a água, o açúcar e misture. Quando atingir o ponto de fio, adicione o coco. Misture bem. O liquido vai secando e você mexendo de vez em quando. Quando a quantidade de líquido diminuir por mais da metade está pronta. Em uma superfície limpa, de preferência de mármore, coloque a cocada às colheradas.Quando estiver seca, vai soltar facilmente.
Notes
  1. Ponto de fio é quando ao derramar o liquido de uma colher a última gota desce densamente formando um fio bem fininho. Para saber se a cocada está no ponto, coloque uma colher de chá de cocada sobre uma superfície limpa e lisa, o mármore, se o liquido escorrer, se separando da cocada, ainda não está pronta. O ponto é quando o liquido fica denso e não escorre sobre a superfície, assim a cocada ficará molhadinha por dentro.
Memórias Gastronômicas http://memoriasgastronomicas.com.br/

Torta com massa de semente de girassol sem lactose e sem glúten, claro!

Visitamos ( Letícia e eu) a padaria Lilóri em São Paulo, especializada em produtos sem lactose, glúten e soja . Lugar aconchegante e  tudo muito gostoso.  Sai de lá cheia de ideias. 

No início da minha incursão pela culinária saudável profissional, foquei em alimentos sem glúten, testei muitas receitas e fiz vários cursos . E neste mundo das restrições, a busca pela textura, vai além do sabor.  Fui atrás de TODAS as farinhas sem glúten existentes no mercado: farinha de arroz, de amaranto, de grão de bico,  flocos de quinua, farinha de maracujá, de berinjela e por aí vai. O problema é que o glúten é que torna a massa elástica e claro, fazer um pão sem glúten com a mesma textura do de trigo, quase impossível. Peraí, nada é impossível!Lilóri chega lá!

Tenho uma amiga que faz uma dieta sem glúten, sem lactose e sem açúcar para o seu filho autista. Impressionante como o Juninho melhorou depois de poucos meses de dieta. Nós duas trocamos muitas receitas e principalmente dicas de uso de ingredientes mais fáceis de encontrar aqui no interior. E por isso, comecei a usar  farinha de milho, fubá, farinha de mandioca, o resultado é muito bom. Depois disso, parti para pesquisas mais generalizadas de alimentação saudável. E mesmo assim, num mundo que os cardápios com poucas opções, com pão francês e leite de manhã,  pizza de muçarela  no almoço e esfiha no jantar, conhecer opções sem glúten e sem lactose abre horizontes,  inclui sabores e nutrientes importantes.

 A semente de girassol é um ingrediente que vivo testando. Possui alto teor de vitamina B, é rica em gorduras poli-insaturadas (ômegas 3 e 6) e também contém vitaminas E e A. São fontes de cálcio, fósforo, potássio e magnésio.E além disso, fácil de achar!  E essa torta? Ficou ótima! Macia por dentro e crocante por fora. Sobremesa perfeita para uma visita vegana rs! Rápida e agrada a todos os paladares! 

Espero que gostem, como eu ! Beijo e até a semana!

 

 

 

Torta de massa de semente de girassol
Print
Ingredients
  1. 1 xícara de semente de girassol descascada
  2. 1 colher sopa de azeite de oliva extra virgem
  3. 100g de tofu firme orgânico
  4. 1/2 xícara de açúcar fit ( stévia+demerara)
  5. 6 colheres de sobremesa de geleia orgânica sem açúcar
  6. raspas de limão
Instructions
  1. Leve ao fogo baixíssimo (aquele que a chama fica quase invisível) a semente de girassol e o azeite. Assim que estiver ligeiramente dourado, desligue. Em um processador, depois de frias, processe bem a semente de girassol, até virar uma farinha. Acrescente o tofu e a açúcar fit. Assim que formar uma massa uniforme desligue. Em forminhas de silicone untadas com óleo ou azeite, coloque uma colher de sopa de massa, alise e alinhe. Leve ao forno preaquecido a 180º por aproximadamente 20 minutos. Retire delicadamente a massa e sirva com 1 colher de sopa de geleia e raspas de limão.
Notes
  1. Você pode substituir o açúcar fit por açúcar. A geleia pode ser substituída por qualquer recheio que a sua imaginação permitir ou o que tiver na geladeira rs.
Memórias Gastronômicas http://memoriasgastronomicas.com.br/

Uma adoçadinha de leve neste friozinho!

 O frio aumenta o apetite e o corpo gasta mais calorias pra se aquecer. Pra quem quer perder uns quilinhos, basta aproveitar esta oportunidade e não comer demais!Pois é, essa é a parte difícil! Mas, não é impossível!

Calma, não é um post de dieta rsrs!

 Tudo vai bem até a vontade louca de comer doce ( na tpm, por exemplo). Se você é do tipo que só um pedacinho de chocolate amargo não  mata a vontade de doce, tem a opção desta farofinha que dá pra comer sozinha e se o objetivo não for  diminuir as calorias, poderá comer com uma fruta ou sorvete ou com os dois hummm!

Usei uva passa orgânica  ( fácil de encontrar e barata) que é fonte de oligofrutossacarídeos com ação prebiótica, fibras insolúveis e ricas em flavonoides e ácidos fenólicos. Os compostos fenólicos, encontrados também na uva in natura e no vinho, tem sido especialmente estudados por seu efeito na prevenção de doenças crônicas degenerativas e do envelhecimento.  Usei também coco ralado orgânico ( fácil também  de encontrar e preço muito bom)  gordura boa e deliciosa;  e nozes- precisamos falar mais sobre as nozes rs? Mais do que fácil!

O bacana que esta sobremesa funciona como lanchinho, também!  Assim você pode comer, ser feliz e aproveitar o friozinho para perder uns quilinhos!

Farofinha doce e natureba
Print
Ingredients
  1. 1/2 xícara de nozes moídas
  2. 1/2 xícara de coco ralado orgânico
  3. 1/2 xícara de uva passa orgânico
  4. 2 colher de sopa de agave ( opcional)
Instructions
  1. Misture bem os ingredientes. Mantenha na geladeira.
Notes
  1. Se não tiver agave, pode substituir por mel, mas também funciona sem este ingrediente.
Memórias Gastronômicas http://memoriasgastronomicas.com.br/

Limão é bão rsrs!

Enquanto o calor não dá trégua,  o negócio é economizar água, hidratar-se o máximo possível e tentar se refrescar como der! Por isso, a repetição de tema neste post,  o nosso, o vosso o limão amigo, ele merece, né?! Segundo a nutricionista Roberta Santos a fruta é rica em VITAMINA C, TIAMINA, RIBOFLAVINA, FÓSFORO, SILÍCIO, CÁLCIO E FERRO. Melhora sistema imunológico (combate a doenças e infecções), funcionamento do fígado (órgão essencial ao metabolismo), performance e qualidade corporal. Previne diabetes e hipertensão arterial. É um poderoso antioxidante evitando assim o envelhecimento precoce. Facilita a digestão por ter ação alcalinizante, ou seja, diminui acidez. Dessa forma, combate sintomas como azia e queimação.  Para quem teme o ganho de gordura, o limão ajuda no emagrecimento (perda de gordura) sem estimular o catabolismo (perda de massa muscular).  Sugestão de uso:  5 – 10 minutos antes do café da manhã, descongestiona e desintoxica o organismo. Recomendo que tome a água com limão e inicie o preparo do café da manhã, este tempo será suficiente. Dose: 1 limão por dia é o suficiente para promover os benefícios citados a cima. Importante! Os efeitos descritos serão melhores percebidos se o uso for de forma regular, torna-se um HÁBITO, uma vez que se tratando de VITAMINAS E MINERAIS precisamos garantir um aporte diário para que os seus estoques sejam conservados e otimizados, diferente de outros nutrientes, os quais o organismo consegue fazer reserva.

Bom, como cozinheira, tenho algumas receitinhas com limão para refrescar:

Raspadinha de limão: você tem liquidificador que tritura gelo? Aproveite e moa 4 pedrinhas com suco de meio limão, uma colher de chá de mel ou agave ou açúcar orgânico. Refresca a alma inclusive rsrs!

Sorvete de limão: minha mãe tinha guardado a página de uma revista dos anos 70 com esta receita do Leite Moça , só que era pra ser um mousse de limão, dai eu esqueci no freezer e virou sorvete! Vale a pena experimentar! Fácil, rápido e muuuuito gostoso. Pena que é nada light, melhor fazer no fim de semana rsrsrs! 4 claras em neve, 11 colheres de sopa de suco de limão e 1 lata de leite condensado. Misture o suco com o leite condensado e acrescente as claras, coloque no freezer por umas 4 horas e voilá, sorvete de limão!

Limão de manhã, à tarde e à noite rsrs! Os pés estão cheios desta frutinha abençoada, aproveite! Até a próxima!

 

limão1limão