Torta de Santiago, simples assim.

Torta de SantiagoNevou em Curitiba e eu não estava lá! Apesar de estar feliz de ter fugido do frio, fiquei com vontade de estar lá neste momento histórico! Bateu uma saudade de casa.

; )

Nas últimas semanas, antes de partir em férias ainda em Curitiba, andei meio chateada por algumas questões profissionais… Na verdade, não valia nem metade da minha preocupação. E de fato, tenho sido tão agraciada que é até injusto reclamar.

Mas é difícil passar ileso à uma postura desleal. No mínimo, faz você repensar alguns pontos. Como dizem por aí, se ficou lembrança boa, é uma recordação, se o que sobrou é ruim, foi uma experiência. E, como toda experiência, esta foi repleta de aprendizados!

Acho que foi isso, somado ao tempo sem recarregar as energias na terrinha, que me fez curtir tanto esta última passagem por BH. Sensação de alívio!

E, por isso também, apesar de já estar no Rio, ainda escrevo a sequência {Saudades de BH}. Misturando tudo: Rio de Janeiro com visita do Papa, saudades de BH, perdão e agradecimento, resolvi escrever sobre esta torta que mamãe faz.

Ela é de comer ajoelhada. À cada dia, sua receita se aprimora mais…De tão boa, a incorporei ao meu cardápio e é um dos sucessos de encomendas.

É uma receita espanhola à base de amêndoas, cuja tradição é expressada até em sua apresentação final: açúcar de confeiteiro salpicado, destacando o formato da Cruz de Santiago, repleta de significados.

Aí, não tem jeito: amêndoas, ovos, manteiga e açúcar… impossível não amar! Huuummm… e é perfeita para acompanhar um café!

A receita foi executada por D. Eloíza, a foto foi tirada pelo meu primo Thiago, a quem agradeço a participação especial novamente!

Nota: acabei de receber uma foto que incluo aqui da torta feita por uma leitora assídua. No mesmo dia já executou a receita. Obrigada, Marília Paes.

Torta de Santiago

Receita da Torta Santiago de D. Eloíza

Ingredientes para Massa:
– 1 xícara e meia de farinha de trigo
– 150 g de manteiga sem sal
– 1 ovo
– 1 colher (de chá) de casca de limão ralada
– 3 colheres (de sopa) de  açúcar
Ingredientes para o Recheio:
– 350 g de amêndoas, grosseiramente processadas
– 5 ovos
– 280 g de açúcar
– 1 colher (de chá) de canela
– 1 cálice (50ml) de licor de amêndoa
 – açúcar de confeiteiro para polvilhar
Modo de Preparo:
1- Em uma tigela colocar o ovo, o açúcar, as raspas da casca de limão, a manteiga.  Misturar até incorporar os ingredientes.
2- Aos poucos, adicionar a farinha de trigo, mexendo sempre, até obter uma massa lisa e homogênea.
3- Forrar uma forma de 24 ou 30 cm de diâmetro.  Se for de fundo removível, coloque um tabuleiro para amparar, pois pode vazar manteiga. Caso contrário, polvilhe o fundo e as laterais, para não agarrar.
4- Misturar todos os ingredientes (exceto 3 col. sopa das amêndoas trituradas) – pode ser no liquidificador ou à mão.
5- Despejar o recheio sobre a massa e polvilhar a amêndoa sobre o recheio.
6- Levar ao forno preaquecido à 180 graus e assar por 40 minutos ou até dourar.
7- Retirar do forno. Esperar esfriar. Desenformar. Polvilhar o açúcar de confeiteiro.
Nota: para fazer a cruz, fazer um molde em acetato ou papelão, colocar sobre a torta e polvilhar o açúcar. O molde que deixo aqui é diferente do aplicado na torta, mas mais correto. Deixo a imagem para molde abaixo.
 Cruz de Santiago Molde